O motivo da palavra tendência não fazer parte do meu vocabulário

Cá estou de volta, depois de muito tempo sem o menor índicio de alguma postagem. Perdoem-me se esse blog ficar empoeirado por muito tempo – eu simplesmente estou cheia de coisas a fazer – mas saibam que eu sempre tentarei trazer algum assunto novo e interessante para todos.

Desde que eu era leitora assídua de blogs de beleza, eu nunca concordava com duas coisas que faziam parte do conteúdo desses blogs: o vocabulário irritante com todos aqueles “phynos”, “amyghos” e “rhycos” e uma outra palavrinha que diariamente era frequentadora das postagens. A palavra tendência.

Mesmo lendo alguns blogs de beleza bem exdrúxulos, eu sempre achei que a moda era algo para nós mesmos fazermos, e claro, todas as roupas, sapatos e acessórios que um blog divulgava servia para nos inspirarmos, e não para se fazer uma cópia exata e ter milhares de pessoas andando pelas ruas vestidos do mesmo jeito. Então, desde sempre, eu odiava esse significado que a palavra tendência tinha. Não a tendência normal, aquela que usamos em conversas normais, utilizando junto com outras palavras, mas aquele significado da palavra que dizia que as massas deveriam usar as mesmas coisas. As tendências da moda.

Que fique claro que eu não acho idiota usar alguma coisa que está na tendência, mas que você gostou. Eu, por exemplo, gosto de Headbands, que estavam no ápice há algum tempo. O que eu discordo é você usar algo só porque está na moda, não por que você gostou. É como usar uma Clog, mesmo que você tenha achado horrível e desconfortável. Ou comprar uma Alexa Inspired mesmo que você tenha achado que se parece mais com uma bolsa de carteiro. Tanto faz.

E o pior é que alguns blogs de beleza mais fúteis disseminam isso na maior naturalidade, e claro, as massas de pessoas que os acompanham acabam por achar aquilo certo, lindo e maravilhoso. O resultado disso é gente com bolsa da Chanel, sapato Louboutin, óculos Prada, perfume Dior, saia Gucci e camisa da Dolce & Gabanna mas sem nenhum estilo. É apenas aquela coisa falsa, copiada.

E então você faz Ombrè Highlights no cabelo, compra milhares de wet leggings, bolsas Alexa Inspired e no final, o que você é? Apenas uma pessoa que segue as tendências, só isso. O que é muito diferente de fazer tudo isso por que acha legal.

Então, vamos abrir mão das tais tendências e sermos nós mesmos? Ou melhor, não abrir mão das tendências, mas usar aquilo que você acha bonito e apropriado para você? Vamos? Eu estou dentro.

obs: desculpe-me pela ausência de fotos.

Anúncios

Sobre aandy82

Eu estou anonima, mas quem disse que vou ocultar meus pensamentos?
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s